sábado , 14 dezembro 2019
Início / Dicas / Tipos de compressor

Tipos de compressor


Conhecer as diversas características dos compressores,  seja em software ou hardware, é essencial na hora de escolher a ferramenta certa para o trabalho.  Alguns tipos de compressores tem um attack e release mais rápidos que outros, e alguns terão mais coloração ou uma vibe, mais “vintage” com base nos componentes internos.

Vamos aprender como são os circuitos dos compressores mais usados e saber como eles diferem um dos outros.

Óptico

Como o nome sugere, o input de um compressor óptico é alimentado por uma lâmpada ou LED, que acende em resposta ao nível de sinal. A intensidade da luz é captada por uma sensor reagente a luz que controla a quantidade do “gain reduction” que vai ser aplicada. Em termos simples, quanto mais brilhante, mais compressão você terá.

O que é interessante em um compressor óptico é seu tempo de resposta exclusivo, no que diz respeito ao elemento de controle de ganho da fotocélula. A luz tem um atraso inerente a ela- sendo lento em sua resposta a transientes, e  para dissipar totalmente sua energia após longos períodos de sinal de alta energia. Como resultado, compressores ópticos tem uma característica única de attack lento, enquanto que o release  “quase” tem uma qualidade de duas fases, sendo inicialmente rápido, mas, em seguida, lento para voltar ao seu estado inicial. Embora tecnicamente ineficiente, a resposta de um compressor óptico é incrivelmente ‘musical’ para muitas das fontes que passam por ele.

Exemplos:

LA2A / Shadow Hill
LA2A / Shadow Hill

 

Tube Compressor ou Variable-MU

É outra forma antiga de controle de ganho.  Usa uma válvula como elemento de controle de ganho.

O que é interessante nesse tipo de compressor, é a ausência do controle do ratio. O ratio é controlado pela quantidade de sinal que entra no sistema. Ao invés de trabalhar com o Threshold e ratio, você precisa ajustar o ganho de entrada e saída do compressor para uma compressão forte ou sutil.

Compressores desse tipo  tendem a ter uma resposta mais lenta do que outras formas de compressão. Devido a isto, apresentam uma coloração distinta ou som “clássico”, que é quase impossível de alcançar com outros tipos de compressores.

Evite usar este tipo de compressor pra qualquer coisa rápida, agressiva ou que precisa de limites de pico. Ao invés disso use ele pra adicionar um corpo e coloração extra.

Exemplos:

Manley Vari-Mu / Fairchil 670M
Manley Vari-Mu / Fairchil 670M

 

FET

Compressores FET (field effect transistor),  foram originalmente desenvolvidos como uma alternativa para os compressores valvulados e ópticos. São famosos por serem compressores de attack  e release ultra rápidos, tornando a escolha ideal quando o objetivo é limitar picos ou dar uma “coloração” especial a compressão.

Apesar de serem super rápidos,  compressores do tipo FET oferecem mais coloração do que outros tipos de compressores. Por causa disso não são usados normalmente em aplicações de masterização, mas se você precisa de controle de picos e uma sonoridade específica, é este o compressor que você vai querer usar.

Numa simples analogia, o compressor FET é um compressor com som de “valvulado” mas com resposta rápida.

Exemplos:

UA 1176 / Dacking FET III
UA 1176 / Dacking FET III

 

VCA

Em muitas formas o compressor VCA representa  o princípio do desenvolvimento técnico e sonoro no que diz respeito à concepção de um compressor. Usando um amplificador de voltagem controlada para o controle de ganho, ele te oferece um “gain reduction” suave e total controle sobre o attack e release.

No entanto, antes de coroar o VCA como o rei dos compressores, é importante ressaltar que existem  enormes variações entre a qualidade e o desempenho de projetos diferentes de VCA. Dada a eficiência de custo relativo de produção de um compressor VCA em comparação com óptico, FET ou valvulado (componentes  caros), uma grande quantidade de compressores VCA foram construídos para fornecer um  desempenho aceitável, ao invés de excelência de áudio.  Então antes de escolher o seu compressor VCA, procure pesquisar sobre o projeto e a qualidade dos componentes utilizados.

Exemplos:

SSL Bus Compressor / DBX 160
SSL Bus Compressor / DBX 160

Fontes:

http://www.soundonsound.com/sos/jun11/articles/logic-tech-0611.htm

http://www.uaudio.com/blog/audio-compression-basics/

http://audioundone.com/types-of-compressor

Sobre Diego Moreno

Fundador do site, Engenheiro de áudio, apaixonado por música, divide o tempo entre a estrada o estúdio e a constante atualização do site.

Confira também

Entrevista: Rafael Fadul

Nome: Rafael Fadul Idade: 23 anos Origem: São Paulo, SP Atualmente em: Los Angeles, California …

%d blogueiros gostam disto: