segunda-feira , 19 novembro 2018
Início / Resenha / Mitos do estúdio parte #2

Mitos do estúdio parte #2

Vamos falar sobre alguns mitos bastante comuns entre os profissionais de áudio, mais especificamente os de estúdio. Agora em sua parte #2!!

Se você ainda não leu a parte um:

Mito 6 – Mixar em mono é coisa “das antigas” e não se aplica mais nos dias de hoje

 

 

 

Já dedicamos um post inteirinho sobre isso:

Ouvir a sua mixagem em mono é uma das melhores maneiras de revelar problemas em sua mixagem. O que pode soar como uma mixagem  agradável e sólida pode soar enlameada quando você ouvi-la em mono.

Gaste um tempo ouvindo sua mixagem em mono e descubra como tirar proveito disso lendo o nosso post dedicado a mixagem em mono.

 

Mito 7 – Se eu tivesse um (a) _______________ , minha mixagem  sairia melhor!

O que é este espaço em branco  para você?

Uma nova interface?

Um pacote de  Plugin?

 Novos monitores de estúdio?

Eu odeio dizer isso para você, mas o talento sempre supera o equipamento!

SEMPRE!!!

 

Mito 8 – Prazo curto inibe a criatividade

Este você simplesmente tem que tentar. Você já usou um cronômetro enquanto você trabalhou em uma mix? Olhando pelo lado positivo, o cronômetro pode te fazer trabalhar eficientemente.

A verdade é que com o tempo curto você passa a prestar atenção no que é mais efetivamente importante numa mix.  Defina um temporizador e veja quanto você consegue em uma hora!

 

Mito 9 – Eu posso aprender tudo sozinho

Quantas pequenas manhas eu posso usar enquanto eu mixo uma canção? Centenas?   Será que eu descobrí algumas por conta própria?  CLARO!

Mas a maioria delas vieram de conversas com outros técnicos, livros e revistas que você andou lendo ou simplesmente de ver os outros engenheiros trabalhar. Você não tem que quebrar o molde com suas mixagens. Há um monte de pessoas realmente talentosas por aí que usam técnicas experimentadas e verdadeiras. Aprenda com eles, o máximo que você puder!

 

Mito 10 – Na mixagem consertamos!

No áudio a regra é simples: Se a gravação é um lixo, a mixagem vai ser um lixo polido.

Se na gravação já soa bem, na mixagem já é meio caminho andado. Não se contente em corrigir na mixagem, a mixagem não foi feita para corrigir problemas.

 

 

Em quais desses mitos você já acreditou? ( eu mesmo já acreditei em todos eles em algum momento da minha carreira )

 

Leia outros posts sobre mitos:

  Este post foi inspirado e modificado de um artigo do site homestudiocorner.com

Comente e divulgue esse post, conte sua experiência, pergunte!

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

E fique por dentro das novidades do mundo do áudio.

Sobre Diego Moreno

Fundador do site, Engenheiro de áudio, apaixonado por música, divide o tempo entre a estrada o estúdio e a constante atualização do site.

Confira também

Masterização – O que há de errado com minha música?

masterização pode ser a salvadora da pátria. Se você já se indagou de alguma das maneiras abaixo, vai entender o que eu estou falando.

%d blogueiros gostam disto: